Como vender o carro usado para comprar um zero?

Quem deseja ter um veículo novo e já tem em casa um carro usado, pode utilizá-lo como entrada para a nova aquisição. Conhecendo o mercado e fixando um preço competitivo, as chances de sucesso na venda são maiores.

Antes de levar o seu carro para uma avaliação em uma concessionária ou loja de revenda, leve em consideração que a primeira impressão será a mais importante de todas. Deixe o veículo limpo e com uma boa aparência.

Leia a seguir algumas informações para trocar seu antigo carro por um zero quilômetro:


 

Seu carro usado poder servir como entrada em um novo. Veja!

Alternativa viável, as concessionárias em geral são bastante receptivas com quem deseja comprar um automóvel novo dando o seu usado como valor de entrada. É muito importante não desanimar com a proposta da primeira concessionária, levando assim o automóvel para avaliação em outros lugares.

A diferença do valor das propostas pode chegar a mais de R$2.000,00. A lógica das concessionárias na avaliação do seu carro é concluir que ele será um bom negócio para ela, conseguindo repassá-lo adiante com mais rapidez.

Conheça 5 formas de vender um carro usado#LeiaMais

Carros desvalorizados ou com muito tempo de uso nem sempre são mais difíceis de trocar por um novo

Constata-se esse mito ao fazermos a comparação do valor atual do automóvel que temos com o valor daquele novo que pretendemos ter. A diferença de valor, obviamente, aumenta com o tempo.

A desvalorização do automóvel, de acordo com a tabela FIPE, é sempre maior nos dois primeiros anos. A medida em que os anos vão passando, essa desvalorização tende a ser menor. Seguindo essa linha de raciocínio, trocar de automóvel a cada dois anos gera mais despesas ao orçamento do proprietário do que a cada quatro ou seis anos.

A medida em que o tempo passa e o seu valor torna-se mais acessível para um número maior de pessoas, as chances dos negociadores tentarem reduzir ainda mais esse valor fica cada vez mais difícil. O mesmo não ocorre nos dois primeiros anos do veículo, pois a tentativa de tornar o valor acessível é maior, forçando-nos a barganhar.

 5 cuidados antes de colocar a venda o seu carro #LeiaMais

Há alguns fatores que desvalorizam os veículos usados

Apesar de a venda de um carro usado poder ajudar na compra de um novo, há alguns fatores que desvalorizam os veículos usados, como:

O bom estado de conservação

É muito importante que o veículo usado esteja em bom estado de conservação, independente do seu tempo de uso. Quanto mais desgastado estiver o automóvel, menor será o valor a se obter em uma venda.

Investimento de até 5% do valor do veículo em reformas

Acredita-se que reformar o veículo e fazer inúmeros reparos faz com que o seu valor aumente. Especialistas do setor de veículos usados apontam que os valores gastos nessas reformas não é recuperado no valor de venda. Eles recomendam que o proprietário do veículo usado gaste no máximo até 5% do valor do automóvel com reparos e reformas.

Modificações na estrutura original desvalorizam o automóvel

As substituições das rodas ou do para-choque, o rebaixamento da suspensão ou demais alterações estéticas no automóvel acabam por desvalorizar o veículo durante a revenda.

A cor do veículo tem um peso importante na negociação

Os carros que são vendidos mais comumente possuem entre as suas gamas de cores o preto, o branco, o prata e o vermelho. Cores personalizadas e mais chamativas são um pouco mais difíceis de negociar.

E aí, gostou das nossas informações? Vai vender seu carro usado e comprar um zero quilômetro? Deixe o seu comentário!

• 4 itens que podem desvalorizar seu carro na hora da venda #LeiaMais


LEIA TAMBÉM…

Passo-a-passo para vender um carro usado:
São muitos os fatores que podem nos levar a trocar o carro atual, seja por outro ou mesmo por um meio de transporte mais sustentável.
Ainda não sabe como vender um carro, esse passo a passo pode te ajudar a fazer as melhores escolhas e conseguir um ótimo negócio.  Clique aqui.

Comentários - Deixe o seu

Comentários